O painel modular SIMOSEC, feito para tensões até 24 KV e correntes até 1250 A, representa uma grande inovação em modularidade e compactação para painéis de distribuição em média tensão, combinando as ótimas propriedades do gás SF6 com as excelentes características da extinção da corrente elétrica no vácuo. Montado conforme a NBR IEC 62271-200 e à prova de arco interno, os cubículos são dividios  basicamente em três tipos de média tensão:

  • Compartimento de barras: na parte superior, onde se situa o barramento trifásico;
  • Invólucro do gás SF6: integrando a chave seccionadora;
  • Compartimento de saída de cabos: na parte inferior, onde estão os componentes e onde conectam-se os cabos para entrada/derivações.


Características

  • Disposição das fases em série (uma atrás da outra)
  • Barramento montado na parte superior
  • Compartimentos de barra e de conexão de cabos isolados a ar, demandando baixa manutenção
  • Uso de chave seccionadora rotativa dentro do invólucro metal-enclosed, preenchido com gás SF6
  • Disjuntor a vácuo

Benefícios

  • Adequação das instalações conforme determinação da norma NBR IEC 6227-200
  • Segurança Pessoal
  • Proteção contra arco interno
  • Economia
Simosec            simosec-2
partner

A NBR IEC 62271-200 é a norma atual para painéis de média tensão. Ela substituiu a antiga NBR 6979 e passou a se basear não só na forma de construção, mas na segurança que o produto oferece, classificando os painéis quanto a continuidade de operação, acesso seguro e se é a prova de arco interno. O termo LSC foi designado para painéis que possuem conveniência no caso de intervenção para manutenção. Existem dois tipos de painéis LSC:

LSC1: Perda da continuidade de serviço tipo 1 - "Todos os painéis que forem diferentes de LSC2 são da classe tipo 1"

LSC2: Perda da continuidade de seriço tipo 2 - "Todos os painéis que tem outros compartimentos além do compartimento de barras são do tipo LSC2"

Os dois tipos de painel LSC2 que existem:

LSC2A - Ao se fazer uma manutenção, as unidades funcionais contíguas (cubículos) podem continuar energizadas.

LSC2B - Ao se fazer uma manutenção, as unidades funcionais contíguas (cubículos) podem continuar energizadas e o compartimento de entrada de cabos distinto também pode.

Tipos de ensaio

Testes

Objetivo

Ensaio dielétrico (item 6.2)

Verificar o nível de isolação do equipamento.

Ensaio de elevação de temperatura( item 6.4 e 6.5)

Teste para provar a elevação de temperatura de qualquer parte do equipamento e medir a resistência dos circuitos.

Ensaio de corrente de pico e suportável de curta duração (item 6.6)

Provar a capacidade do circuito principal e de aterramento ao ser submetido a corrente de pico e nominal de curta duração.

Ensaio de poder de fechamento e interrupção (item 6.101)

Provar o poder de abertura e fechamento dos aparelhos de interrupção existentes no painel.

Ensaio de operações mecânicas (item 6.102)

Provar a operação satisfatória dos dispositivos de abertura e partes removíveis.

Ensaio de grau de proteção (item 6.7)

Verificar a proteção das pessoas de acesso a partes perigosas e proteção do equipamento de intrusão de objetos externos.

Testes em repartições e obturadores não metálicos (item 6.104)

Verificar a proteção de pessoas contra efeitos elétricos perigosos.

Teste de suportabilidade de pressão e compartimentos preenchidos preenchidos a gás (6.103)

Verificar a resistência do compartimento preenchido a gás.

Teste de estanqueidade (item 6.8)

Testar a estanqueidade de compartimentos preenchidos a gás ou líquidos.

Teste de arco interno (6.106)

Verificar os efeitos de arco durante uma falta interna (para cubículos classificados como IAC).

Teste de compatibilidade eletromagnética (item 6.9)

 

testes paineis

edit f2